• Workshop Orientações Gerais sobre o Sistema PJeCor inicia nesta segunda-feira (14/6)

  • Coordenadoria de Correição apresenta padronização de rotinas e abre reuniões das unidades...

  • Governança da Terra - Juiz Océlio Nobre destaca integração de poderes e ações efetivas do Nupref...

  • Corregedoria, com apoio de parceiros, premia comarca vencedora do Dia do Desafio

  • Em abertura das correições em quatro comarcas do TO, corregedora-geral da Justiça destaca que o...

  • CGJUS realiza Correição Ordinária em mais quatro comarcas neste mês de junho, solenidade de...

  • Membros do Judiciário tocantinense e de procuradorias municipais debatem ações para reduzir acervo...

  • TJTO direciona cartilha as unidades judiciais e administrativas com dicas de segurança para uso do...

  • Inscrição de projeto:

As propostas podem ser de autoria individual ou coletiva e devem ser inseridas em um formulário inscrição, que contém requisitos mínimos, encaminhadas via SEI para a CGJUS

  • Pré-análise do projeto:

Nesse momento, as propostas serão estruturadas em projetos a fim de facilitar a implementação por outras unidades

  • Deliberação dos projetos inscritos:

A Comissão Avaliadora de Boas Práticas se reunirá trimestralmente, ou quando necessário, para aprovar os projetos inscritos como Boas Práticas;

  • Disponibilização dos projetos aprovados no BBP:

O BBP contemplará um acervo de Boas Práticas, que será divulgado no site da CGJUS e, eventualmente, em outros canais de comunicação, visando a divulgação e incentivo à adesão.

O BBP é um portal da CGJUS que agrega em um só local as melhores práticas já implementadas no Poder Judiciário tocantinense. Os projetos são estruturados por meio de uma metodologia clara, tendo a finalidade de disseminar as melhores ideias e se alcançar mais eficiência nas atividades prestadas.