Calendário de Correições alcança 21 comarcas visitadas em 2019

O Corregedor-Geral da Justiça, Desembargador João Rigo Guimarães, presidiu a abertura da Correição Geral Ordinária na Comarca de Miranorte-TO, nessa terça-feira (29/10). Já na manhã de quarta-feira (30/10), a solenidade de abertura ocorreu na Comarca de Miracema-TO, distante pouco mais de 80 quilômetros da Capital.

Com essas duas comarcas, a temporada dos trabalhos correcionais chega ao número de 21 (vinte e uma) comarcas visitadas de um total de 24 (vinte e quatro) previstas no calendário de correições.

Em seu discurso, o Corregedor-Geral, como amiúde, reiterou que a sua gestão frente à Corregedoria tem como principal diretriz a orientação tanto aos magistrados quanto aos serventuários da justiça e oficiais registradores. Reafirmando que a correição é um ato de rotina e que a Corregedoria é um órgão orientador e parceiro de todos os servidores e magistrados.

Por fim, o Corregedor disse que “o objetivo da correição é, por norma, analisar o andamento dos processos judiciais e funcionamento dos cartórios extrajudiciais, mas a Corregedoria também funciona como uma ouvidoria, estando nas comarcas para ouvir todos os presentes. Pois reconhece a importância do trabalho desenvolvido pelos servidores para uma melhor prestação jurisdicional”.

Neste viés, a correição judicial, em sua etapa virtual, foi realizada até sexta-feira (25/10), realizando-se a análise remota dos processos por meio do sistema e-Proc/TJTO. Já nos dias 29 de outubro a 01 de novembro, os trabalhos correcionais passaram para a fase presencial, a realizar-se nas dependências do Fórum local e nos estabelecimentos prisionais pertencentes à circunscrição da comarca. No mesmo período, as unidades extrajudiciais também estão recebendo a equipe da corregedoria.

Os trabalhos de inspeção prosseguirão até sexta-feira (01/11) e ocorrerão em ambas as Comarcas.

Texto/Fotos: CGJUS/TO