Em tarde mágica Corregedoria-Geral da Justiça lança projeto Time CGJUS pela Sustentabilidade

Envelopes surpresas, cartas de baralho, truques e muito suspense envolveram magistrados e servidores da Corregedoria-Geral da Justiça do Tocantins. Em uma tarde mágica se juntou ingredientes especiais como união, compromisso, motivação, gratidão e sucesso, assim a surpresa foi revelada. Da cartola do mágico Vitor Hugo, no lugar do coelho branquinho, saiu um novo projeto “Time CGJUS-TO pela Sustentabilidade”. A novidade de imediato abraçada por todos, iniciando um processo de transformação social, ambiental, cultural e econômico na Corregedoria.

“Nos emocionamos e nos divertimos muito, mas para tratar de um tema importante, a sustentabilidade. Essa tarde mágica, serviu para reforçarmos nossa união, para pensarmos juntos no nosso futuro, nas áreas ambiental, social, econômica e social, dando a nossa contribuição para a construção de um mundo melhor. Somos uma equipe de sucesso e com certeza esse será mais um projeto de grandes resultados”, afirmou a desembargadora Etelvina Maria Sampaio Felipe, corregedora-geral da Justiça.

O lançamento do Time CGJUS pela Sustentabilidade ocorreu na tarde desta quarta-feira (15/12), com programação surpresa, comandada pelo mágico Vitor Hugo, para todos os integrantes da Corregedoria. “A proposta era mesmo surpreender, provocar expectativa de todos, motivar e garantir o envolvimento de cada servidor nesta importante causa da sustentabilidade”, explicou a chefe de gabinete e coordenadora da iniciativa, Jeane Justino, ao falar da estratégia do evento.

Sobre o Projeto

O Time CGJUS pela Sustentabilidade tem como principal objetivo promover a orientação, conscientização e estímulo à mudança de comportamentos e atitudes dos magistrados e servidores lotados na CGJUS, com o foco em sustentabilidade. O Projeto integra o Plano de Ação do PLS-CGJUS 2021 e a Meta 5 do Plano de Gestão da CGJUS - 2021-2023, que busca “ Desenvolver ações voltadas aos direitos humanos, acessibilidade, sustentabilidade e transparência.” Além de buscar contribuir com o Tribunal de Justiça no alcance das metas do Plano de Logística Sustentável (PLS), implementados por meio do TO Sustentável.

“Desenvolvemos o projeto garantindo o alinhamento do PLS-CGJUS e do Plano de Gestão ao Planejamento Estratégico da Corregedoria-Geral da Justiça para 2021-2026 e à Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da ONU”, ressaltou a assessora de planejamento Ana Carina Souto, responsável por desenvolver a ação.

O projeto terá sete meses de capacitação, divididas em quatro módulos, seguindo metodologia ativo-participativa, por meio da realização de diversas atividades. A condução dos trabalhos será realizada por Vitor Hugo Alves Rocco (Vitor Hugo Mágico), com previsão de término em 24/06/2021. “A proposta é promover de forma lúdica, mas profunda, a mudança de comportamento dos integrantes da Corregedoria, de modo a inserir permanentemente hábitos sustentáveis em suas rotinas”, explicou.

Conheça os módulos da capacitação

Modulo I – Equipe Sustentável e Inteligência Emocional. Os pilares da inteligência emocional; Como engajar a equipe para torná-la sustentável; Como dominar as emoções; Comunicação – Usá-la como chave mestra; Autoconfiança é como combustível; O poder do trabalho em equipe.

Módulo II – Conscientização e sensibilização do consumo de recursos naturais e uso racional e destinação dos resíduos. Os padrões de produção e consumos sustentáveis; A evolução e transformação que acontecerá após mudanças de comportamentos e atitudes; A conscientização é um fator importante para acontecer evoluções; Os problemas do descarte inadequado de resíduos; Conceito dos três R’s – Reduzir, reutilizar e reciclar.

Módulo III – Foco, produtividade, resiliência e empatia no ambiente de trabalho. O poder de definir com clareza os objetivos e metas; Estar ocupado é diferente de ser produtivo; Como desenvolver e colocar em prática a resiliência; A nossa mente é como um GPS. Ela vai para onde você direcioná-la; Cuidar e ser cuidado – O poder da empatia; As 8 habilidades de comunicação e cooperação.

Módulo IV – Responsabilidade social e engajamento pela sustentabilidade. Atitudes conscientes e sustentáveis; Como suas escolhes hoje, protegem e impactam para as gerações futuras? Coerência – O segredo mágico; A transformação começa dentro de casa; O poder da gratidão; A responsabilidade social é uma jornada.

 

Kézia Reis – ASCOM CGJUS-TO